Trabalho

A taxa de produtividade do trabalhador cearense, entre 2004 a 2016, cresceu 2% ao ano e ultrapassou o crescimento nacional, que ficou em 0,9%. No estado, o valor passou de R$ 25,5 mil para R$ 32,2 mil (incremento de R$ 6,7 mil), excluindo os segmentos de serviços imobiliários e aluguéis. Tanto na indústria quanto no […]